Audiobooks Podcast PRO-GUN

AUDIOBOOK: Da produção de segurança

 A introdução a este formidável trabalho foi feita por Murray Rothbard, que classifica o francês Gustave de Molinari (1819 — 1912) como o grande inovador da teoria da oferta de serviços de segurança pelo mercado.

Sobre o livro:
A introdução a este formidável trabalho foi feita por Murray Rothbard, que classifica o francês Gustave de Molinari (1819 — 1912) como o grande inovador da teoria da oferta de serviços de segurança pelo mercado. Com efeito, ele pode ser considerado o primeiro proponente do chamado anarco-capitalismo.

   Molinari foi profundamente influenciado pela tradição liberal-clássica de Bastiat e sua visão de mundo; consequentemente, ele se tornou um devoto defensor da propriedade privada e do livre mercado. No entanto, Molinari foi ainda mais longe e expandiu a lógica dos argumentos às suas últimas consequências, concluindo que o mercado também era melhor para prover aquele serviço que o estado alegava ser seu monopólio: a segurança.

   Desta maneira, sua contribuição ímpar foi a de nos distanciar da falsa suposição de Hobbes de que, por alguma razão, o estado seria necessário para evitar que a sociedade se degenerasse no caos. Ao contrário, argumenta Molinari, a sociedade voluntária é a fonte da ordem, a qual se origina na própria liberdade. Não há nenhuma contradição, ou mesmo tensão, entre a liberdade e a segurança. Se a livre iniciativa funciona bem em um setor, ela também pode funcionar bem em outros setores.

   Molinari era de fato um radical, mas no sentido de ter prenunciado como seria a evolução do pensamento libertário: um radical na defesa do capitalismo em todas as áreas da vida, que é apenas outra forma de dizer que ele era um consistente defensor da sociedade completamente livre.

   Talvez possa ter existido uma época em que as pessoas poderiam considerar benigno o monopólio do governo sobre a polícia e os tribunais, uma atribuição indelével do estado defendida pelos liberais-clássicos dos velhos tempos. Mas o inexorável avanço do estado policial alterou esta visão: agora estamos mais aptos a entender que os serviços de “segurança” estatais são a mais grave ameaça à liberdade que podemos enfrentar.

Neste sentido, Molinari é o homem do momento.
1881 a 1909, editou o
Journal des Économistes
. O seu túmulo se encontra no cemitério Père Lachaise, de Paris (França)

Apoie o canal para podermos caçar todos os leviatãs!

https://apoia.se/etoempire

CARTEIRA Dash:
XmGisaTs1HVwy4RxTxiRdHWas32mSGv8sT

CARTEIRA Bitcoin:
16X8iB7ymyhW2oPaQxjiGGDwQ4Xh5bo53E

CARTEIRA de ETH:
0x3b081398fe6f3a216931fa678d84b710728440bb

Não possui criptomoedas?

Tu pode financiar a caçada aos leviatãs comprando uma copia de meu ebook na amazon, um livro de fantasia medieval:
https://www.amazon.com.br/GARRAFA-Erick-Trautvein-Otoni-ebook/dp/B07JFQPR4Q?__mk_pt_BR=ÅMÅŽÕÑ&keywords=a+garrafa&qid=1540420392&sr=8-2&ref=sr_1_2

Biblioteca de áudio books:
https://drive.google.com/drive/folders/1Wwc40YVdorvlqDDAjDk3YANrcBUnIgcT

Onde baixar o pdf:
http://rothbardbrasil.com/wp-content/uploads/arquivos/producao-seguranca.pdf

Onde comprar:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s