É provável que as criptomoedas sejam o futuro das transferências internacionais de dinheiro, disse o chefe global de produtos e inovação da MoneyGram, Youri Bebic, em entrevista ao Instituto de Automação de Processos Robóticos e IA.

Confira a entrevista completa:

Atualmente, as empresas não movimentam dinheiro além das fronteiras quando um cliente faz uma transferência internacional de dinheiro, explicou Bebic. “O dinheiro já está lá. Nós pré-financiamos contas bancárias em todo o mundo, e então valorizamos a transferência”, disse ele, observando que esse método é, comparativamente, mais rápido. No entanto, se criptomoedas fossem usadas, contas bancárias pré-financiadas não seriam mais necessárias; em vez disso, as trocas de criptomoedas poderiam ser usadas “para vender criptomoedas contra a moeda local e depositá-las na conta bancária ou em dinheiro para nosso usuário”, disse Bebic.

No momento, acrescentou, o maior obstáculo para isso é a falta de liquidez e subdesenvolvimento de algumas regiões. No entanto, ele acredita que é “altamente provável” que este será o futuro das transferências de dinheiro.

A empresa de transferência de dinheiro já testou várias soluções usando criptomoedas e fez uma prova de conceito com o Ripple.

Fonte: The Block Crypto

Leia também: