Após o anúncio da moeda do Facebook, a Libra, e da carteira Calibra, potenciais cibercriminosos começaram a registrar domínios falsos que se assemelham aos originais, mostra pesquisa da Digital Shadows. Os registros atingiram o pico em torno da data de anúncio da Libra e Calibra.

Libra viu os registros se multiplicarem em 18 de junho, crescendo de aproximadamente 20 (um dia antes do anúncio) para mais de 110 no dia seguinte.

A maioria dos domínios não hospeda conteúdo; os compradores são provavelmente posseiros de domínio que esperam lucrar com a venda dos mesmos. Os domínios adquiridos, mesmo que nunca sejam usados pela Libra, ainda poderiam redirecionar os usuários para o legítimo site do Libra.

No entanto, alguns dos registros são de natureza mais sinistra – com o objetivo de se passar por sites oficiais do Libra e Calibra, alguns deles promovendo fraudes. Uma dessas fraudes se anuncia como Libra ICO (Initial Coin Offering) e oferece um acordo sobre a aquisição de tokens de Libra para Ether e levantou um total de 0,2 Ether.

Fonte: The Block Crypto