A exchange indiana, Koinex, anunciou que está fechando suas operações, alegando falta de apoio bancário e incerteza regulatória no país.

“Os últimos 14 meses foram difíceis de operar em um negócio de ativos digitais na Índia, por conta do fechamento de contas bancárias com depósitos de usuários”, escreveu Rahul Raj, co-fundador da Koinex, em uma postagem no seu perfil do Medium na Quinta-Feira.

A exchange enfrentou negativas nos gateways de pagamento e bancos, bem como enfrentou o bloqueio de transações para o comércio de criptomoedas.

No ano passado, em Abril, o Banco Central da Índia (RBI), o banco central do país, proibiu os bancos de atenderem a exchanges e empresas de criptomoedas. Desde então, várias exchanges entraram com petições legais para reverter a proibição do RBI, mas o assunto ainda está pendente na suprema corte da Índia. A próxima audiência está marcada para julho.

“Múltiplos atrasos das agências governamentais em esclarecer o marco regulatório para criptomoedas apesar de nossa petição pendente na Suprema Corte da Índia, juntamente com a interrupção regular em nossas operações, a decisão final foi tomada”, escreveu Raj.

No início do mês passado, houve relatos de que o governo indiano propôs um projeto de lei que proíbe o comércio de criptomoedas, além de sugerir uma sentença de 10 anos de prisão pelo uso de criptomoedas.

Estes relatórios criaram “suficiente FUD [medo, incerteza e dúvida]” na comunidade de comércio de criptomoedas indiana para resultar em um “declínio acentuado” nos volumes de negociação, escreveu Raj.

Como resultado, a Koinex desativou permanentemente o comércio de criptomoedas em todas as suas plataformas, desde 27 de Junho. “As carteiras de ativos digitais continuarão a ser funcionais, e os usuários serão obrigados a retirar todos os fundos da plataforma antes das 21:00 horas (horário local). em 15 de Julho”, de acordo com a postagem.

A Koinex realmente teve um impacto nos seus volumes de negociação. A exchange alega ter registrado US$ 265 milhões em volume de negócios em Dezembro de 2017, quando o Bitcoin subiu para os níveis mais altos do que US$ 20.000, por posto. No entanto, não tem atraído tanto volume ultimamente. Nos últimos 6 meses combinados, a Koinex teve menos de US$ 25 milhões em volume comercializado.

A Koinex é apenas a mais recente exchange a fechar a loja na Índia. Coindelta, Coinome e Zebpay fecharam nos últimos meses devido à incerteza regulatória.

Fonte: The Block Crypto