Jair Bolsonaro (PSL) havia prometido enviar para o Congresso um projeto de lei visando uma não punição para quem cometesse um ato ilícito em defesa da propriedade. Confira aqui o que foi dito por ele em sua apresentação do projeto de lei.

Em contrapartida, o ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, afirmou que isso não está nem perto de sair do papel.

“É prematuro discutir essas questões sem que nós tenhamos ela ainda como uma política pública absolutamente delimitada”, disse Moro. A declaração foi feita em uma coletiva de imprensa nesta Quinta-Feira, dia 2 de Maio de 2019, sobre uma operação da Polícia Rodoviária Federal.

Fonte: Correio Braziliense