O senador Rogério Carvalho (PT) propôs hoje, quarta-feira (24), um projeto de lei (PL 2183/2019) que aumenta em 20% os impostos sobre refrigerantes e “bebidas açucaradas”. A nova intervenção atuará na comercialização, produção e importação das bebidas.

O projeto foi anunciado no Twitter pelo perfil oficial do Senado Federal:

De acordo com o senador, o objetivo é aumentar a arrecadação que será diretamente transferida para o Fundo Nacional de Saúde (FNS), e também desestimular o consumo de refrigerantes, com a intenção geral de combater a obesidade.

É possível votar sobre o projeto de lei clicando aqui.

Para mais informações sobre o PL, clique aqui.

Atualização (24/04/2019 às 16:01):

A medida vai aumentar os preços das bebidas que serão pegas pelos consumidores, isso afetará, principalmente, as alas mais pobres da sociedade, que terão seus gastos com as bebidas aumentados ou até mesmo deixarão de consumir aqueles produtos, o que pode acarretar também em perdas de emprego, visto que com a diminuição do consumo o faturamento das empresas irá cair, obrigando-as a demitir funcionários para equilibrar gastos.