Após briga na Justiça, Monark e Flávio Dino ficarão frente a frente durante audiência

Monark e Flávio Dino ficarão frente a frente durante audiência

O ministro da Justiça Flávio Dino e o influencer e podcaster Monark irão participar de uma audiéncia na próxima sexta-feira, dia 1º de setembro. O motivo? O ministro Flávio Dino está movendo uma ação contra Monark por difamação, injúria e “crimes contra a honra”.

A ação foi aberta por Flávio Dino após o influenciador xingá-lo, chamando-o de “gordola” e acusando-o de “escravizar” pessoas.

Abaixo o trecho onde Monark xinga o ministro Flávio Dino e o acusa de ser autoritário e pede que os brasileiros se rebelem e reajam a tal situação se opondo ao ministro. No contexto do vídeo, Monark o acusa de escravizar os brasileiros por meio de seu autoritarismo.

O ministro Flávio Dino por sua vez utilizou as suas redes sociais para comentar sobre a fala de Monark. “Quanto aos criminosos que ofendem a minha honra, confio no Poder Judiciário, a quem entrego tais casos. E não se trata de ‘ameaça’. É um dever e um direito”, postou o ministro. O influencer não se intimidou e ainda rebateu o comentário de Dino, acusando-o de “autoritário do caramba”.

Segundo o jornal O Globo, na ação, não há indicação de indenização a ser paga. O caso tramita na Justiça Federal de São Paulo.

Monark está certo: Dino é uma figura autoritária

O Monark está certo sobre sua acusação contra Flávio Dino: o ministro da Justiça é uma figura autoritária que faz uso da justiça estatal e de suas leis arbitrárias para censurar aqueles de quem dele discordam. Quanto à acusação dele possuir escravos, também não há nenhuma inverdade na fala do Monark: os governados, os pagadores de impostos, são os escravos dos políticos e burocratas do alto escalão, que assim como Dino, enriquecem às custas destes e os subjuga com ares de superioridade.

E quanto aos xingamentos: por mais que o ministro possa se sentir ofendido por eles, eles não podem ser crimes. Não violam nenhum direito de fato do ministro. Por outro lado, ele mesmo fere o direito de outras pessoas. Inclusive pretende violar o direito do Monark fazer uso do seu próprio corpo e espaço físico para falar o que lhe aprouver.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Elon Musk Senado
Direito

Após críticas a Moraes e Lula, Elon Musk é convidado a falar em comissão do Senado

Após uma série de críticas dirigidas ao ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), e o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), Elon Musk, dono do X (antigo Twitter) foi convidado a participar de uma audiência pública na Comissão de Segurança do Senado. O convite foi aprovado em sessão realizada na terça-feira […]

Leia Mais
Elon Musk e Alexandre de Moraes
Direito

PF quer convocar representantes do X após críticas de Elon Musk a Moraes e Lula

Após críticas de Elon Musk a Lula e Alexandre de Moraes, a Polícia Federal (PF) quer convocar representantes do X (antigo Twitter) para prestar esclarecimentos sobre as ações do bilionário na plataforma. Investigadores afirmam que os depoimentos não têm data prevista. A medida é uma das estratégias da investigação da Polícia Federal, que apura se […]

Leia Mais
Neto de Lula
Direito

Neto de Lula desafia críticos a provarem que seu avô é ladrão

Em um vídeo no Instagram publicado no dia 1° de abril (conhecido como Dia da Mentira), o neto do presidente Lula, Thiago Trindade, fez um desafio aos críticos do petista: provar que seu avô é ladrão. “Fica o meu desafio a essas pessoas que acham que podem ficar fazendo o Brasil de refém com ameaças. […]

Leia Mais