Bitcoin recebe nota ‘A’ pela primeira vez

Em uma atualização da agência de avaliação financeira Weiss Ratings na segunda-feira, dia 8 de Julho, a empresa disse que atualizou o Bitcoin para um ‘A-‘ e deu a ele uma recomendação de “compra forte”.

A Weiss Ratings tornou-se conhecida pela primeira vez no âmbito das criptomoedas em Janeiro de 2018, quando se tornou a primeira agência de classificação tradicional a atribuir classificações ao Bitcoin e outras criptomoedas. Em seu primeiro conjunto de classificações, Ethereum recebeu um B enquanto Bitcoin recebeu apenas um C+, provocando reações irritadas da comunidade.

Em Janeiro do ano passado, a empresa disse que “o risco de investir em Bitcoin estava fora dos padrões”, acrescentando que “sua tecnologia estava ultrapassada e que sua rede estava entupida”. Em 2018, o preço do Bitcoin caiu mais de 70{6f48c0d7d5f1babd031e994b4ce143dfcbd9a3bc2a21b0a64df4e7af5a5150a1} .

“Agora, no entanto, nosso modelo está nos dizendo exatamente o contrário”, disse Martin D. Weiss, fundador da empresa, em uma nota para seus clientes.

“Depois de chegar ao fundo do poço em dezembro, o Bitcoin quadruplicou seu valor em menos de 190 dias. E hoje, a recompensa que proporciona aos investidores supera os riscos. Sua tecnologia foi atualizada. Sua rede está de volta ao normal. Este não foi um evento de uma noite”, acrescentou.

No entanto, em vez de correr para comprar imediatamente, Weiss aconselhou a “esperar por uma correção normal” antes de entrar.

Bitcoin é atualmente a única criptomoeda com classificação A da Weiss, com a Ethereum seguindo em seguida com uma classificação B+, enquanto a XRP e a Litecoin recebem uma classificação B.

Top 10 moedas classificadas pela Weiss Ratings:

Fonte: Crytonews

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Livrarias
Economia

Projeto no Senado pretende fixar preço de livros e limitar desconto

O projeto de lei 49/2015 do Senado, agora chamado de Lei Cortez, pretende fixar o preço dos livros e limitar os descontos, que não deverão ultrapassar 10% dirante o período de 12 meses após lançamento. A iniciativa é amplamente favorecida por várias livrarias que alegam sofrer “concorrência desleal” com empresas maiores, como a Amazon. A […]

Leia Mais
Vietnã
Economia

Como o capitalismo venceu o socialismo no Vietnã

Phung Xuan Vu, de oito anos, e seu irmão de 10 anos foram responsáveis por buscar comida para sua família, que estava em constante aperto de fome. Eles viviam no Vietnã na década de 1980, então isso exigia cartões de racionamento. Um dos bens mais importantes da família era um livreto de vales-alimentação. Como a […]

Leia Mais
Argentina
Economia

Ação Humana em seu 75º aniversário nos ajuda a entender como o estatismo dizimou a Argentina

O septuagésimo quinto aniversário do livro Ação Humana de Ludwig von Mises nos convida a refletir sobre as conquistas acadêmicas de Mises e como a corrente econômica dominante ainda não alcançou seus avanços na economia. Como Jesus Huerta de Soto aponta em seu estudo preliminar para a versão em espanhol da décima terceira edição de […]

Leia Mais