Em carta endereçada a Lula e outros líderes, Milei anuncia recusa da Argentina ao BRICS

Javier Milei

Por meio de uma carta divulgada nesta sexta-feira, o presidente da Argentina, Javier Milei, comunicou aos integrantes do Brics (Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul) que rejeita a entrada país como membro do bloco.

No documento, que foi redigido no dia 22 de dezembro, Milei argumenta que a política externa de seu novo governo difere da desenvolvida pela administração anterior que era aliada dos países-membros do BRICS.

Ainda segundo a carta, “algumas decisões tomadas pela administração anterior serão revistas”. “Nesse caso, não é considerado oportuno que a República da Argentina se junte ao Brics como membro pleno a partir de 1º de janeiro de 2024”, diz a carta.

A atual ministra das Relações Exteriores da Argentina, Diana Mondino, também já havia declarado em novembro deste ano, que o país não entraria para o BRICS.

Fontes do Governo Brasileiro informaram que o posicionamento da Argentina foi recebido com “zero surpresa”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sinais eletromagnéticos no cérebro
Política

A “Síndrome de Havana” é uma agressão russa ou outra teoria da conspiração da mídia?

Na noite de domingo, o programa 60 Minutes da CBS publicou um segmento sobre a série de episódios médicos misteriosos sofridos por oficiais de inteligência dos Estados Unidos e funcionários do governo que receberam o apelido de “Síndrome de Havana”. Por quase uma década, as autoridades e suas famílias relataram ouvir sons repentinos de zumbidos […]

Leia Mais
Lula Macron Urânio
Política

Governo Lula assina acordo com a França para explorar urânio no Brasil

Representantes dos governos brasileiro e francês assinaram nesta quinta-feira (28), em Brasília, um acordo que prevê colaboração para geração de energia nuclear. Segundo reportagem da CNN, um dos destaques do texto do acordo é um entendimento para a exploração de reservas de urânio no Brasil. O acordo é de grande interesse para o governo francês, […]

Leia Mais
Lula e Maduro
Política

De forma inesperada, governo Lula endurece o tom contra governo Maduro na Venezuela

De forma inesperada, O governo de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) endureceu o tom com o governo venezuelano de Nicolás Maduro, tradicional aliado das gestões petistas. A repreensão do governo foi feita por meio de uma nota divulgada na última terça-feira (26/3), pelo Itamaraty, onde foi manifestada uma preocupação com o andamento das eleições […]

Leia Mais