Êxodo armênio em Karabakh

O presidente do Azerbaijão, Ilham Aliyev, declarou que, agora com a conquista e integração de Nagorno-Karabakh, os armênios poderiam “finalmente respirar aliviados”, dizendo ainda que o Azerbaijão transformará Karabakh em um “paraíso”.

No entanto, temendo represálias devido à história sangrenta de conflitos e tensões entre os dois lados, os armênios étnicos estão abandonando suas casas em massa, fugindo com apenas parte de seus pertences pela estrada montanhosa que leva à Armênia. As autoridades de Karabakh disseram que cerca de 70.000 armênios étnicos já partiram, de uma população estimada de 120.000 pessoas.

A estrada está congestionada há dias, com muitos dormindo em seus veículos ou procurando lenha para se aquecer. Devido ao engarrafamento de 80 quilômetros, a viagem entre os territórios leva, pelo menos, 30 horas. As cidades do lado armênio estão sendo inundadas por refugiados.

Ruben Vardanyan, chefe do governo separatista de Karabakh entre novembro de 2022 e fevereiro deste ano, foi preso enquanto tentava deixar o território como parte do êxodo étnico. O serviço de fronteira do Azerbaijão disse que ele foi levado para a capital do país e entregue às autoridades competentes.

O Azerbaijão utilizou a fraqueza dos combatentes devido ao longo bloqueio de alimentos e medicamentos para conquistar o território em um ataque fulminante. O governo separatista de Karabakh será dissolvido e a república deixará de existir a partir de 1º de janeiro de 2024.

Gabriel Camargo

Autor e tradutor austrolibertário. Escreve para a Gazeta com foco em notícias internacionais. Suas obras podem ser encontradas em https://uiclap.bio/GabrieldCamargo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Escola cívico-militar
Política

Sobre a polêmica em torno do projeto das escolas cívico-militares

Foi aprovado pela Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp) nesta terça-feira (21), o projeto de lei que viabiliza a implementação de escolas cívico-militares nas redes municipais e estaduais de educação do estado de São Paulo. Para muitos preocupados com a doutrinação esquerdista sobre as crianças nas escolas, o projeto é visto como uma saída. No […]

Leia Mais
Emchentes no Rio Grande do Sul
Política

Municípios atingidos pelas inundações no RS enfrentam burocracia para receber ajuda do governo federal

Em um artigo da CNN, diversas entidades municipais informaram que estão enfrentando uma enorme burocracia para receber verbas do governo federal para lidar com os impactos das inundações no Rio Grande do Sul. A informação contrasta com a acusação por parte da grande mídia e agentes públicos, de que a afirmação de tal burocracia na […]

Leia Mais
Dique de Mauá
Política

Bombeiros usam sacos de areia de improviso para impedir inundação no RS

Em um vídeo que está circulando na internet, uma equipe de bombeiros usa sacos de areia como improviso para impedir que um determinado lugar no Rio Grande do Sul fosse inundado. Um perfil popular no X chamado Peregrino publicou o vídeo e fez uma comparação com diques construídos por holandeses há mais de 100 anos. […]

Leia Mais