Governador da Bahia sanciona lei que proíbe uso de pistola de água durante o Carnaval para combater “machismo e misoginia”

Pistola de água Carnaval

Foi aprovada na última segunda-feira (29) pelo governador da Bahia, Jerônimo Rodrigues, a Lei nº 14.584, que proíbe a utilização de pistolas de água e objetos similares durante o Carnaval e festas de rua. Segundo o governador, a medida visa prevenir assédios contra mulheres.

O evento em que ocorreu a aprovação da lei, teve a participação do promotor de Justiça Pedro Maia, representando a procuradora-geral de Justiça Norma Cavalcanti, e da promotora de Justiça Sara Gama, coordenadora do Núcleo de Enfrentamento às Violências de Gênero e em Defesa dos Direitos das Mulheres (Nevid).

A justificativa para a medida

Segundo a coordenadora do Nevid, Sara Gama, a nova lei pretende prevenir possíveis casos de assédio fazendo uso da pistola de água. Segundo Izaura Santiago da Cruz, professora da Faculdade de Educação da Universidade Federal da Bahia (Faced/Ufba):

“A pistola era frequentemente utilizada para molhar as roupas de mulheres, provocando transparências e expondo o corpo das mulheres. Além disso, muitas vezes, as pistolas eram ‘carregadas’ com urina e outros excrementos, água suja de esgoto, criando situações de humilhação”

A nova lei define como pistola de água “todo artefato, artesanal ou não, que acionado por mecanismo manual ou automatizado, dispare água ou outros líquidos”. Ela ainda estabelece que blocos, agremiações e demais organizações devem adotar medidas para impedir o uso desses artefatos por seus foliões e associados, através de campanhas educativas e aplicação de penalidades aos infratores.

Mais uma lei estatal inútil

Enquanto a população se preocupa com uma ameaça real do crime, o governador da Bahia vem com mais uma lei inútil para lidar com algo que os próprios indivíduos e orgamizações carnavalescas poderiam lidar melhor. Não que a questão do assédio não seja um problema. É interessante que ambientes privados disponibilizem (por iniciativa própria, claro) medidas de prevenção contra qualquer tipo de importunação, e que os indivíduos que quiserem evitar tais situações, deem preferência a tais espaços.

No entanto, além desta lei ser absurda por intervir nos ambientes impondo a eles como lidar com tais situações, ela também acaba fazendo uma generalização infundada sobre todos que fazem uso de pistolas de água durante o carnaval. Afinal, não há prova alguma de que todos os usuários de tais objetos usem ou irão usá-lo para fins de assédio sexual.

Basicamente, é só mais uma lei idiota onde o estado se apresenta como capaz de resolver sitiações que os próprios indivíduos poderiam lidar de uma forma mais eficaz.

One thought on “Governador da Bahia sanciona lei que proíbe uso de pistola de água durante o Carnaval para combater “machismo e misoginia””

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Monark
Direito

Monark pode pegar 2 anos de prisão por desobedecer ordens do STF, afirma Polícia Federal

Segundo a Polícia Federal, o influencer Monark pode pegar até 2 anos de prisão por ter desobedecido ordens judiciais. Segundo o órgão, há indícios de que o influencer descumpriu ordens do judiciário ao criar novas contas para “disseminar fake news”. A PF informou que de acordo com o Código Penal, o indivíduo que exerce atividade […]

Leia Mais
Cyberbullyng
Direito

Sobre a criminalização do bullying e do cyberbullying

A Lei 14.811/2024, que criminaliza o bullying nas escolas e o cyberbullying, foi sancionada na última segunda-feira pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva. A lei teve origem no PL 4224/2021 do deputado Osmar Terra (MDB-RS). Além da criminalização do bullying e do cyberbullying, a lei prevê que crimes previstos no Estatuto da Criança e […]

Leia Mais
Sebastião Coelho
Direito

Desembargador duvida de plano de atentado a Alexandre de Moraes

O desembargador Sebastião Coelho colocou em dúvida as revelações de Alexandre de Moraes sobre, de que bolsonaristas tinham planos para enforcar o ministro durante um “golpe de estado”. A afirmação de Coelho foi feita durante uma live transmitida no domingo (7) pelo Instagram. Ver essa foto no Instagram Uma publicação compartilhada por ASFAV – Associação […]

Leia Mais