Absurdo: Senhor de 56 anos morre por falta de atendimento no SUS

Infelizmente, mais uma vítima da falta de atendimento no SUS e da ineficiência da “saúde” pública estatal.

Um senhor de 56 anos chamado José Williams da Rocha faleceu nesta sexta feira no Hospital dos Pescadores, em Natal, RN. O mesmo havia gravado um vídeo e publicado na internet denunciando o fato de não ter conseguido atendimento no hospital Walfredo Gurgel, o primeiro local onde tentou socorro.

O vídeo você pode conferir abaixo:

Após a repercussão do caso, o governo do estado determinou a abertura de uma investigação.

No vídeo gravado na porta do pronto-socorro Clóvis Sarinho, o senhor José Willams da Rocha, de 56 anos, que era comerciante, diz:

Já falei com assistente social, falei com vigilante, falei com todo mundo, ninguém me atende. Mandaram eu procurar uma UPA

Ele morreu minutos depois no Hospital dos Pescadores, após duas paradas cardíacas.

Segundo a família, antes de procurar o Hospital Walfredo Gurgel, o homem também teve atendimento negado no Hospital Municipal de Natal.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cavaco Chinês
Ética

Ilhados, moradores da ZN de Natal abrem vala em via para escoar água

Cansados de esperar pela ajuda do estado, moradores da comunidade Cavaco Chinês em Natal (RN) decidiram abrir uma vala para escoar a água que havia inundado toda a região. A inundação que impedia a passagem dos moradores havia sido causada pelas fortes chuvas na cidade. Chuvas fortes inundaram a região Após as últimas chuvas em […]

Leia Mais
Gradualismo
Ética

Gradualismo e o princípio da não agressão

O princípio central da filosofia libertária é o que é conhecido como princípio da não agressão. Ele sustenta que é moralmente errado uma pessoa usar a força contra outra, direta ou indiretamente, por meio do uso do governo. Os libertários entendem a importância fundamental do princípio da não agressão e o adotam… em sua maioria. […]

Leia Mais
Bem-estar
Ética

Bem-estar fora do estado

Uma razão frequentemente citada para a necessidade do estado é que ele é o único meio pelo qual os pobres podem ter acesso a bem-estar suficiente para aliviá-los das duras realidades que podem acompanhar suas circunstâncias. No entanto, apesar das promessas feitas ao longo de muitas décadas e das enormes somas gastas em programas de […]

Leia Mais