Aprovação da urgência da PL da Censura mostra o desespero do estado

PL da Censura

A aprovação da urgência da PL das “Fake News” (na verdade, PL da Censura) mostra o desespero dos governantes em manter a população sob suas rédeas. A PL, que teve sua urgência aprovada nesta terça-feira (25), poderá ser votada na próxima terça-feira (2) sem precisar passar pelas comissões da Câmara. Isso por si só já mostra o receio de que qualquer coisa barre a proposta.

As justificativas da PL da Censura

Os defensores do projeto afirmam que ele não é contrário à liberdade de expressão, mas que visa apenas estabelecer normas para combater a “desinformação”. Em entrevista à CNN, o presidente da Câmara Arthur Lira afirmou que a finalidade da PL é “garantir, na formalidade da lei, os direitos para que uma rede funcione para o que ela deve, e não para situações como, por exemplo, essa questão das escolas”.

Basicamente Lira acredita que cabe à ele e aos demais deputados – e não os proprietários – determinar qual a finalidade das redes sociais. Além das fake news, a medida também visa combater conteúdo considerado preconceituoso ou com discurso de ódio. E também qualquer conteúdo considerado antidemocrático.

Quanto ao conteúdo preconceituoso ou dotado de discurso de ódio, por mais que possamos considerá-los de péssimo gosto ou repudiáveis, cabe aos proprietários decidirem o que é permitido ou não em seus espaços.

Neste caso, cabe às empresas decidirem que tipo de conteúdo é permitido em seus espaços. Caso alguém se sinta ofendido, basta se retirar da rede social e incentivar um boicote à mesma. Uma atitude totalmente legítima.

Já no caso dos discursos antidemocráticos, eles são mais do que necessários. E não me refiro aqui aos falsos discursos antidemocráticos – sejam os bolsonaristas ou saudosistas da Ditadura Militar. Pois apesar do pânico apresentado pelos progressistas, esses tipos de discurso sequer são uma ameaça de fato, já que esse mesmo discurso muitas vezes também defende a democracia. Apenas em moldes diferentes dos que os progressistas defendem.

O verdadeiro discurso antidemocrático efetivo é que expõe tanto o estado em geral – assim como a democracia em particular – como uma verdadeira máquina de roubo, escravidão, manipulação e corrupção que realmente é!

E apenas o discurso libertário é capaz de tal feito!

Como se proteger da censura

Com a PL da Censura na iminência de ser aprovada, aqueles que quiserem preservar sua liberdade na Internet deverão recorrer as melhores ferramentas e técnicas que permitirão isso. Este site possui vários conteúdos (e muitos outros ainda serão produzidos) que irão te ajudar a garantir sua liberdade de expressão na web.

Se você quer continuar usando o Telegram mesmo com sua atual suspensão, clique aqui.

Se quiser usar uma alternativa ainda mais livre e segura que o Telegram, conheça o protocolo Matrix. Basta clicar aqui para acessar um guia completo.

E também temos uma série inteira sobre como você pode garantir sua segurança e anonimato na internet. Basta clicar aqui.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Escravidão Africana
Ética

Entendendo a história da escravidão africana: os europeus não foram os únicos traficantes de escravos

No vasto panteão da história, os negros foram ao mesmo tempo vítimas e opressores. No entanto, a história tem sido tão politizada que ouvimos infinitamente sobre a primeira e quase nunca sobre a segunda. A retórica eclipsou os fatos. É fato, por exemplo, que os africanos participavam do tráfico transatlântico de escravos. A narrativa agora […]

Leia Mais
Renato Moicano
Ética

Renato Moicano: “Se você se preocupa com seu… país, leia Ludwig von Mises”

Na noite do último sábado, o lutador brasileiro Renato Moicano viralizou após sua vitória sobre JalinTurner no UFC 300, fazendo uma saudação ao próprio Ludwig von Mises. “Eu amo os Estados Unidos, amo a Constituição… quero portar… armas. Amo a propriedade privada. Vamos lhe dizer uma coisa. Se você se preocupa com seu país, leia […]

Leia Mais
Elon Musk e Alexandre de Moraes
Ética

Elon Musk ataca censura de Alexandre de Moraes e deixa esquerda em polvorosa

Na última sexta-feira, o CEO da rede social X, Elon Musk, respondeu a uma publicação de Alexandre de Moraes questionando o porque dele estar impondo tanta censura no Brasil. Na publicação em questão, Moraes parabenizava o ex-ministro do STF, Ricardo Lewandowski pelo novo cargo de Ministro da Justiça e Segurança Pública. Confira abaixo: Elon Musk […]

Leia Mais