Barroso defende controle das redes sociais

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), o o ministro Luís Roberto Barroso, voltou a defender a regulamentação das redes sociais, que segundo, seria uma forma de “combater as desinformações que prejudicaram a democracia”.

Para o ministro, é necessário enfrentar a “desinformação“, principalmente quando ela oferece “grave risco” para a democracia e para a saúde, citando como exemplo o vídeo em que o presidente Jair Bolsonaro relaciona a vacina contra Covid à AIDS.

Barroso defendeu que seja imposto algum tipo de controle de comportamentos e conteúdos considerados “ilícitos” nas redes sociais. As declarações foram feitas durante a abertura do seminário internacional sobre desinformações e eleições, realizado pelo próprio TSE.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pistola de água Carnaval
Direito

Governador da Bahia sanciona lei que proíbe uso de pistola de água durante o Carnaval para combater “machismo e misoginia”

Foi aprovada na última segunda-feira (29) pelo governador da Bahia, Jerônimo Rodrigues, a Lei nº 14.584, que proíbe a utilização de pistolas de água e objetos similares durante o Carnaval e festas de rua. Segundo o governador, a medida visa prevenir assédios contra mulheres. O evento em que ocorreu a aprovação da lei, teve a […]

Leia Mais
Monark
Direito

Monark pode pegar 2 anos de prisão por desobedecer ordens do STF, afirma Polícia Federal

Segundo a Polícia Federal, o influencer Monark pode pegar até 2 anos de prisão por ter desobedecido ordens judiciais. Segundo o órgão, há indícios de que o influencer descumpriu ordens do judiciário ao criar novas contas para “disseminar fake news”. A PF informou que de acordo com o Código Penal, o indivíduo que exerce atividade […]

Leia Mais
Cyberbullyng
Direito

Sobre a criminalização do bullying e do cyberbullying

A Lei 14.811/2024, que criminaliza o bullying nas escolas e o cyberbullying, foi sancionada na última segunda-feira pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva. A lei teve origem no PL 4224/2021 do deputado Osmar Terra (MDB-RS). Além da criminalização do bullying e do cyberbullying, a lei prevê que crimes previstos no Estatuto da Criança e […]

Leia Mais