Bolsa Família é extinto para dar lugar ao Auxílio Brasil

O programa Bolsa Família é extinto após 18 anos, para dar lugar ao Auxílio Brasil ainda sem uma previsão exata para sua implementação. A revogação da lei de 2004 que estabeleceu o programa foi baseada na Medida Provisória 1.061, publicada no dia 10 de agosto deste ano. A MP, a mesma que criou o novo auxílio.

O novo programa tem previsão para ainda começar este mês, mas ainda há incertezas sobre sua viabilidade, que o governo Bolsonaro busca assegurar através de reformas, como a da PEC dos Precatórios.

Segundo o Ministério da Cidadania em nota emitida nesta sexta-feira (5), os pagamentos do Auxílio Brasil começarão no dia 17 e seguirão o calendário habitual do Bolsa Família. “A operacionalização do Auxílio Brasil será regulamentada por meio de decreto a ser publicado nos próximos dias”, acrescentou.

De acordo com a pasta, o valor médio do benefício para quem já recebe o Bolsa Família será corrigido em 17,84% já em novembro, com orçamento próprio do ministério.

O valor final do Auxílio Brasil, que seria de R$ 400,00, ainda não foi confirmado formalmente, permanecendo como uma promessa que só poderá ser cumprida caso a PEC dos Precatórios, já aprovada, não sofra revogação.

A aprovação do projeto é considerada uma medida necessária para a manutenção do programa que visa substituir o Bolsa Família.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Greve das universidades federais
Política

Greve das Universidades Federais mantém tensão entre professores e o Governo Lula

A greve de universidades federais no país, que já dura quase dois meses, segue ativa, mantendo a tensão entre os professores federais e o Governo Lula. Por um lado, professores em greve afirmam que continuarão com a greve até receberem aumentos salariais. O governo, por sua vez, afirma que não há mais espaço no orçamento […]

Leia Mais
Macron
Política

Macron dissolve parlamento e convoca eleições legislativas antecipadas na França

No último domingo (9), o presidente da França, Emmanuel Macron, dissolveu o parlamento do país, a Assembleia Nacional, e convocou eleições legislativas antecipadas. A decisão do presidente francês foi tomada após uma pesquisa de boca de urna que mostrou que seu partido, Renascimento, seria derrotado pelo partido de oposição, União Nacional (RN), nas eleições parlamentares. […]

Leia Mais
Jorge Seif
Política

Senador Jorge Seif admite que defende imposto sobre importações porque paga o seu salário

O senador Jorge Seif (PL-SC), que se diz liberal, votou sim pela em 20% das compras internacionais até 50 dólares, que foi aprovada na última quarta-feira, 5, a taxação. O senador justificou seu voto, admitindo que tal imposto paga seu salário. O senador ainda recorreu às velhas falácias protecionistas e estatistas em defesa dos impostos […]

Leia Mais