Lula afirma que até 31 de dezembro de 2026 irá acabar com a fome no Brasil

Lula diz que irá acabar com a fome no Brasil

Durante a cerimônia em comemoração aos 20 anos do Programa Bolsa Família, o presidente Lula (PT) afirmou que até 31 de dezembro de 2026 (fim do seu atual mandato como presidente) ele iria extinguir a fome no Brasil. A cerimônia foi realizada nesta sexta-feira, por meio de uma videoconferência. Lula, que sempre vendeu sua imagem como o daquele que luta pelos pobres, afirma que o programa Bolsa Família – que é atribuído à ele por seus apoiadores – fez grandes feitos pela população carente no Brasil e que será responsável por acabar com a fome no país.

Como o programa sempre foi o principal carro chefe de seus governos, Lula aposta nele para manter sua popularidade e quem sabe até mesmo se reeleger. O programa de fato convenceu a muitos de sua eficácia em tirar muitos da fome. No entanto, uma análise mais cuidadosa revela a verdadeira essência de tal programa e o embuste por trás dele.

A “eficácia” do Bolsa Família

Em artigo publicado no site oficial do governo federal sobre a comemoração dos 20 anos do Bolsa Família, foi afirmado que o programa é o maior em transferência de renda da América Latina e que foo responsável por retirar milhares milhares famílias da fome. O site ainda atribui o programa ao presidente Lula, que o teria criado em seu primeiro mandato presidencial, em 2003.

O artigo também comenta sobre a resposta do Banco Mundial à acusação de que o Bolsa Família deixava a população carente acomodada e que por isso evitava procurar emprego para não perder o benefício. O Banco Mundial no caso afirmou que mais de 60 mil famílias se desligaram do programa após encontrar emprego.

A verdade sobre o Bolsa Família

Apesar do Banco Mundial e do PT apontarem para um número considerável de pessoas que deixaram de ser beneficiadas pelo Bolsa Família, a verdade é que a grande maioria permanece dependente do programa desde seu início. Segundo reportagem do O Globo de 2013, apenas 12% dos beneficiados haviam abandonado voluntariamente o programa após conseguir emprego. Enquanto na época o número de beneficiados era de mais de 11 milhões esse número dobrou em 10 anos, chegando a 21 milhões.

A afirmação de que o Bolsa Família facilitou a entrada de jovens no mercados de trabalho, também parece ser infundada. A verdade é que a melhoria das condições econômicas no país durante a alta das commodites e baixa do dólar entre os anos de 2003 e 2014, foram os principais responsáveis pelo aumento da empregabilidade e ganhos reais do salário mínimo no país.

Uma outra informação falsa propagada por Lula e o PT, é o de que Lula havia criado o Bolsa Família em seu primeiro governo. O que Lula fez na verdade foi unificar uma série de benefícios lançados pelo presidente anterior, Fernando Henrique Cardoso (PSDB), em um único programa.

Não há nada que o estado te dê que não tenha lhe tirado antes

Apesar dos tão alardeados benefícios propostos pelo Bolsa Família, a verdade é que ele não passa daquilo que seus críticos sempre o acusaram de ser: esmolas do governo para manter eleitores cativos. Qualquer benefício que tenha acontecido em paralelo ao Bolsa Família foi mais devido às melhorias das condições econômicas durante o boom das commodites e baixa do dólar do que decido a tal programa.

Além disso, o Bolsa Família não é um socorro dado pelo governo. Seu valor é advindo da tributação que impacta fortemente a economia, retirando recursos que poderiam serem melhor alocados pelos indivíduos do que geridos pelo governo. Não há nada que o governo dê a alguém que não tenha lhe tirado antes. E isso se aplica inclusive aos beneficiários do Bolsa Família, cujo os antepassados foram expropriados pelo governo por décadas via impostos e inflação, tornando essas mesmas pessoas cada vez mais pobres.

E após o governo parasitar famílias por gerações, descobre uma excelente forma de aliciá-los, dando esmolas que não chegam aos pés de tudo que foi roubado de seus antepassados. O estado é o verdadeiro causador da pobreza geração mal que diz combater. Mas não para por aí. Tais esmolas serão cada vez mais nada diante da inflação e tributação constante impostas pelo governo, que irão atingir o consumo e qualidade de vida destas pessoas, direta ou indiretamente.

Lula afirma que irá zerar a fome no Brasil até o fim do seu mandato. A verdade é que ele pretende concretizar seu objetivo de consolidar uma base eleitores cativos aliciados pelo Bolsa Esmola e com isso garantir sua reeleição em 2026. Se Lula realmente se preocupasse com os mais pobres, ele acabaria com todos os impostos, empecilhos para o empreendedorismo, contratação de trabalhadores, além do curso forçado do Real como moeda, que apenas faz o brasileiro perder cada vez mais poder de compra.

Mas sabemos que como todo político Lula não possui nenhum interesse genuíno em ajudar os indivíduos. Seu compromisso é se manter no poder. Além disso, todas estas medidas aniquilariam os meios dele e da classe política continuarem a enriquecer às custas da sociedade.

3 respostas para “Lula afirma que até 31 de dezembro de 2026 irá acabar com a fome no Brasil”

  1. Avatar de Marco Antônio F
    Marco Antônio F

    Preço da carne deve fechar 2023 com a maior queda desde o Plano Real. No tempo do Bolsonaro tinha fila do osso em açougue para pobres ganharem osso com pelanca e sebo, pobres miseráveis correndo atrás de caminhão de lixo em Fortaleza para pegar restos de comida e o preço da carne estava altíssimo!

    1. Avatar de Rodrigo
      Rodrigo

      Caso o preço da carne caia não será graças à ele. O máximo que ele pode fazer é não atrapalhar. O que geralmente faz. O quê um político é capaz de fazer para baixar o preço de algo?

    2. Avatar de Rodrigo
      Rodrigo

      Não defendo nenhum político, até pq todos não passam de parasitas, e isso inclui Bolsonaro. Mas os casos de pessoas procurando osso para comer foram justamente durante o Fique em Casa, quando o estado impediu que vários estabelecimentos funcionassem, afetando fortemente a economia. Não haviam dito “a economia a gente vê depois?”. Não entendi pq se incomodariam com isso

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 thoughts on “Lula afirma que até 31 de dezembro de 2026 irá acabar com a fome no Brasil

  1. Preço da carne deve fechar 2023 com a maior queda desde o Plano Real. No tempo do Bolsonaro tinha fila do osso em açougue para pobres ganharem osso com pelanca e sebo, pobres miseráveis correndo atrás de caminhão de lixo em Fortaleza para pegar restos de comida e o preço da carne estava altíssimo!

    1. Caso o preço da carne caia não será graças à ele. O máximo que ele pode fazer é não atrapalhar. O que geralmente faz. O quê um político é capaz de fazer para baixar o preço de algo?

    2. Não defendo nenhum político, até pq todos não passam de parasitas, e isso inclui Bolsonaro. Mas os casos de pessoas procurando osso para comer foram justamente durante o Fique em Casa, quando o estado impediu que vários estabelecimentos funcionassem, afetando fortemente a economia. Não haviam dito “a economia a gente vê depois?”. Não entendi pq se incomodariam com isso

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sinais eletromagnéticos no cérebro
Política

A “Síndrome de Havana” é uma agressão russa ou outra teoria da conspiração da mídia?

Na noite de domingo, o programa 60 Minutes da CBS publicou um segmento sobre a série de episódios médicos misteriosos sofridos por oficiais de inteligência dos Estados Unidos e funcionários do governo que receberam o apelido de “Síndrome de Havana”. Por quase uma década, as autoridades e suas famílias relataram ouvir sons repentinos de zumbidos […]

Leia Mais
Lula Macron Urânio
Política

Governo Lula assina acordo com a França para explorar urânio no Brasil

Representantes dos governos brasileiro e francês assinaram nesta quinta-feira (28), em Brasília, um acordo que prevê colaboração para geração de energia nuclear. Segundo reportagem da CNN, um dos destaques do texto do acordo é um entendimento para a exploração de reservas de urânio no Brasil. O acordo é de grande interesse para o governo francês, […]

Leia Mais
Lula e Maduro
Política

De forma inesperada, governo Lula endurece o tom contra governo Maduro na Venezuela

De forma inesperada, O governo de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) endureceu o tom com o governo venezuelano de Nicolás Maduro, tradicional aliado das gestões petistas. A repreensão do governo foi feita por meio de uma nota divulgada na última terça-feira (26/3), pelo Itamaraty, onde foi manifestada uma preocupação com o andamento das eleições […]

Leia Mais