Lula divulga vídeo criticando a flexibilização do acesso às armas

Lula divulga vídeo criticando a flexibilização do acesso às armas

Adepto do discurso desarmamentista, o ex-presidente Lula faz coro com o público que acusa a flexibilização do acesso às armas pela recente tragédia em uma escola no Texas. O petista já havia declarado em outras ocasiões que iria restringir o acesso às armas, caso fosse eleito presidente.

Flexibilização do acesso às armas seria responsável pelo massacre

Neste último domingo, o ex-presidente Lula (PT) publicou um vídeo em suas redes sociais onde se faz críticas à flexibilização do acesso às armas.

No vídeo, é citado o caso trágico de um massacre que ocorreu em uma escola do Texas, onde um jovem de 18 anos matou 19 crianças.

O vídeo transmite a mensagem de que a flexibilização ao acesso às armas permitiu que esse tipo de coisa acontecesse, assim como os demais casos que ocorreram em escolas nos EUA.

Segue abaixo o vídeo publicado por Lula em seu canal no YouTube:

Armas não matam pessoas. Pessoas matam pessoas

Como já explicado em nosso artigo sobre a recente tragédia na escola do Texas, o acesso às armas em si não foi o fator determinante para que o massacre ocorresse. Como dito no artigo, a própria escola foi incapaz de impedir que um criminoso entrasse com facilidade.

Sem falar nos depoimentos dos pais, sobre como os policiais foram lenientes e não se preocuparam em tomar as medidas necessárias o mais rápido possível, algo que os próprios policiais já admitiram. Como Ryan McMaken do Mises Institute deixou claro em um artigo, os policiais estavam mais preocupados com a própria segurança do que em proteger as crianças.

Outro detalhe importante é que nem sempre o criminoso usará arma de fogo para atacar suas vítimas, como ocorreu no lamentável caso onde um jovem cometeu um massacre usando arma branca em uma creche em SC, aqui no Brasil .

Se queremos garantir nossa segurança, teremos que recorrer a todos os meios possíveis, e a presença de pessoas armadas como seguranças, pode ajudar a reforçar a segurança local, inclusive em escolas.

Lula: “desarmamento pra vocês, segurança armada pra mim”

À esquerda, evento onde Lula discursa para o público. À direita, segurança de Lula armado com submetralhadora

Apesar do discurso desarmamentista, Lula não aplica sobre ele o princípio “Mais Amor, Menos Armas” que exige dos outros, como ficou claro em um evento onde o petista foi escoltado por um segurança muito bem armado com uma submetralhadora, como você pode verificar no vídeo abaixo:

Enquanto Lula pede que você se desarme e confie na segurança ineficiente do estado, ele garante a dele.

One thought on “Lula divulga vídeo criticando a flexibilização do acesso às armas”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sinais eletromagnéticos no cérebro
Política

A “Síndrome de Havana” é uma agressão russa ou outra teoria da conspiração da mídia?

Na noite de domingo, o programa 60 Minutes da CBS publicou um segmento sobre a série de episódios médicos misteriosos sofridos por oficiais de inteligência dos Estados Unidos e funcionários do governo que receberam o apelido de “Síndrome de Havana”. Por quase uma década, as autoridades e suas famílias relataram ouvir sons repentinos de zumbidos […]

Leia Mais
Lula Macron Urânio
Política

Governo Lula assina acordo com a França para explorar urânio no Brasil

Representantes dos governos brasileiro e francês assinaram nesta quinta-feira (28), em Brasília, um acordo que prevê colaboração para geração de energia nuclear. Segundo reportagem da CNN, um dos destaques do texto do acordo é um entendimento para a exploração de reservas de urânio no Brasil. O acordo é de grande interesse para o governo francês, […]

Leia Mais
Lula e Maduro
Política

De forma inesperada, governo Lula endurece o tom contra governo Maduro na Venezuela

De forma inesperada, O governo de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) endureceu o tom com o governo venezuelano de Nicolás Maduro, tradicional aliado das gestões petistas. A repreensão do governo foi feita por meio de uma nota divulgada na última terça-feira (26/3), pelo Itamaraty, onde foi manifestada uma preocupação com o andamento das eleições […]

Leia Mais