NFTs e o mercado de arte e jogos

Partindo dos mesmo mecanismo de funcionamento do bitcoin, onde é utilizado uma rede de blockchain e criptografia, a diferença entre as criptomoedas e as NFT’s, ou tokens não fungíveis, é que, como o próprio nome diz, eles não são intercambiáveis entre si dado que não apresentam equivalência entre valores.

Mas por que razão ou qual seria a utilidade de existir um token não intercambiável?

As vantagens do NFT

Representar algo dotado de unicidade, como obra de artes, agora é possível através das NFT`s. Obras de arte geralmente tem seu valor por serem raras, escassas e impossíveis de reproduzir dadas as características impressas pelo artista em particular.

Por mais que uma obra de Vincent van Gogh pudesse ser perfeitamente copiada, ela ainda não teria sido feita pelo mesmo artista que lhe confere sua particularidade.

Hoje o mercado de arte entra na blockchain, permitindo que o objeto seja restrito àquele que detém o token, garantindo através dele sua autenticidade e origem apesar de poder ser detido de maneira virtual, como uma imagem jpg disponível para todos na internet.

Uma alternativa às patentes

Talvez esse seja um novo meio de contornar a tão temida pirataria pelos artistas, sem a necessidade de leis para isso. Foi devido a Ethereum , criada por Vitalik Buterin, que foi possível tal ideia, onde existe uma plataforma criada não só para digitalização de moedas, onde você mesmo pode criar a sua moeda, através do código padrão ERC-20, mas também smart contracts. Os tokens são criados através do padrão ERC-721.

Graças à tecnologia NFT, ítens como esse não podem ser copiados e possuem uma assinatura criptografada que garante a autoria do cria original

Leiloar um objeto físico com ajuda do meio digital também é visto como uma possibilidade, onde caso alguém tenha uma edição rara de algum livro famoso, esse pode ser negociado digitalmente por meio da NFT até que alguém que se interesse pela versão física do proprietário da NFT sendo vendida.

Jogos baseados em NFTs

Itens colecionáveis e diferenciados também podem ser itens de jogos eletrônicos, onde o mercado de tokens também tem funcionado. Já existe hoje um site especializado em leilão de NFT`s em Ethereum, o Open Sea.

Foi em 2017 que essa modalidade de NFT`s ganhou notoriedade, por meio das CriptoKitties, mas não chegou a explodir e movimentar milhões de dólares como em 2020 e 2021. Os CriptoKitties já foram comparados com ativos de investimentos e consistem em gatinhos colecionáveis, cultiváveis e que podem ser trocados virtualmente.

Os criptokitties são alguns dos ítens mais vendidos no mercado de NFTs

Quanto mais raro for uma característica do CriptoKitty, mais valioso ele pode ser, e aqueles que podem cultivar e criá-los, os benefícios são ainda maiores, dado que a combinação entre os pais pode gerar uma combinação ainda mais valiosa que os mesmos, e, dentro do jogo, existe a possibilidade de 50.000 genes para serem combinados.

Criado pela Axiom Zen, empresa situada em San Francisco, onde tudo isso é feito através da rede de blockchain, e usuários chegaram a gastar até um milhão de dólares em gatinhos que podem ser feitos de uma modalidade de investimento.

Através desses Smart Contracts, tudo é gerenciado sem nenhuma autoridade central, desde a criação até as trocas, e ninguém pode deletar, manipular ou mudar o CriptoKitty depois de criado.Tudo isso demonstra a segurança e confiança que a blockchain proporciona em trocar ativos digitais.

NFTs e o mercado de artes

A obra digital mais famosa até hoje, vendida como uma NFT chama-se “Everydays: the first 5000 days”, que foi negociada através da casa de leilões Christie’s por 69 milhões de dólares e foi produzida pelo artista digital Beeple.

“Everydays: the first 5000 days” é a mais famosa obra de arte em NFT já vendida

Os CriptoPunks é o projeto que inspirou o mundo da CryptoArte e ganhou até exibição em galerias como Art | Basel, Christie’s of London, e atualmente em ZKM Center for Art and Media, Alemanha, contando com 10.000 personagens colecionáveis.

São apenas imagens de 24X24 pixels geradas por algoritmos, mas a de número 2.890 chegou a ser vendida por 605 ETH (quase $ 762 mil na época) em 23 de janeiro, mostrando o potencial deste mercado que não é nada irrelevante.

Melanie

Contato: https://www.instagram.com/melaniefrosa/

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Lula imposto sobre o Bitcoin
Criptomoedas

Governo Lula quer aumentar para 22,5% os impostos para todos os usuários de Bitcoin no Brasil

O governo Lula anunciou que pretende aumentar os impostos para todos os usuários de criptomoedas em até 22,5%. Segundo o governo, a proposta não é criar um novo imposto, mas aumentar ainda mais as taxas para os usuários que possuem criptoativos. A ideia é ‘fechar o cerco’ com àqueles que estão usando criptoativos para driblar […]

Leia Mais
Halving do Bitcoin
Criptomoedas

O halving do Bitcoin está cada vez mais próximo, com menos de 2.900 blocos restantes

No momento, restam menos de 2.900 blocos até o próximo halving do Bitcoin. Para compreender o conceito de halving, é bom entender primeiro como surgem os novos bitcoins, principalmente por meio do processo de mineração de bitcoins. Isso envolve entidades, conhecidas como mineradores, que validam blocos repletos de transações que aguardam confirmação. Em sua busca […]

Leia Mais
União Europeia ALM Criptomoedas
Criptomoedas

Novas leis contra lavagem dinheiro da UE visam transações em criptomoedas

Como parte das novas leis contra lavagem de dinheiro, o Parlamento da União Europeia proibiu carteiras de criptografia de autocustódia não identificadas para transações na região. A proibição tem como alvo as transações anônimas em dinheiro que excedam € 3.000 e as carteiras de auto-custódia em várias plataformas. Em uma publicação recente nas redes sociais, […]

Leia Mais