Pesquisa do Instituto Cato indica tendência estatista dos mais jovens

Jovens estatistas

Tempo estimado de leitura: 4 minutos

O Instituto Cato realizou recentemente uma pesquisa para avaliar o nível de aprovação dos americanos quanto à implementação das Moedas Digitais de Bancos Centrais (CBDC, na sigla em inglês).

A pesquisa revelou que grande parte dos cidadãos não está familiarizada a tecnologia e, com isso, seu potencial de vigilância associado. Quando informados, geralmente se opõe. Os informados que ainda assim a aceitam são desproporcionalmente os mais jovens. Os mais novos parecem tender a priorizar segurança à liberdade e privacidade.

Percentual de respondentes favoráveis (por faixa etária) à vigilância governamental em residências privadas. Fonte: Pesquisa Nacional Instituto Cato CBDC 2023.

As perguntas não foram apenas sobre esse tema em específico, no entanto. A mesma pesquisa avaliou a aprovação dos americanos quanto à instalação de câmeras de vigilâncias em todas as residências pelo governo como parte do esforço de luta contra a violência doméstica e outras atividades ilegais. Os resultados são apresentados a seguir.

A pesquisa mostrou que 75% dos respondentes foram contra a instalação de câmeras de vigilância do governo em ambientes residenciais privados; 14% foi a favor e 10% não soube responder. A porcentagem, contudo, foi drasticamente alterada quando discriminadas as respostas por idade. Considerando os mais jovens, os chamados da “geração Z”, com menos de 30 anos, 29% dos entrevistados afirmaram que aprovariam a ideia; em contraste, os respondentes acima de 45 consistentemente aprovaram apenas 6% das vezes. O apoio reduziu substancialmente com o passar da idade.

Não foi encontrada diferença substancial entre os respondentes com relação a sua ideologia política, se mais de esquerda ou mais de direita, contudo, os pertencentes à esquerda foram levemente mais favoráveis. Negros e hispânicos foram mais propensos que brancos e asiáticos a aceitar as medidas de vigilância, talvez associado ao contexto de maior violência no qual tendem a estar inseridos.

Para finalizar, o Instituto Cato relacionou as duas respostas, revelando que mais da metade dos que aprovaram a vinda dos CBDCs também aprovou a instalação das câmeras.

A pesquisa foi realizada entre 27 de fevereiro e 8 de março deste ano, por meio da entrevista de 2000 americanos, com margem de erro de 2,54% para mais ou para menos.

Algumas considerações

Não é possível saber pela pesquisa quanto desse efeito é resultado da pouca idade, e da visão de mundo mais imatura geralmente associada, e quanto constitui fenômeno geracional.

Os dois efeitos trabalha certamente em conjunto aqui, pois a geração mais nova já nasce inserida em um mundo tecnológico que constantemente tende a reduzir sua privacidade, tornando-os mais acostumados com exposição e menos propensos a questioná-la.

Nada prova ser o caso, mas, se essa tendência permanecer nas próximas décadas, pode-se esperar o crescimento do estado sem grandes limitações. Escrevi em outro lugar que o poder do estado advém da mentalidade presente em todos que nele acreditam. Força é suficiente para conquistar um povo, mas não para domá-lo e liderá-lo. Para isso, é necessário a aprovação da maioria, ou ao menos sua não resistência, o que também é fruto da mentalidade reinante pela existência, por exemplo, do medo associado à incerteza. Todo dominador não deve apenas se mostrar útil, mas necessário; assim, abrirá caminho para sua dominação perpétua.

O que as próximas gerações aceitarão como normal, só o tempo dirá.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Gabriel Camargo

Autor e tradutor austrolibertário. Escreve para a Gazeta com foco em notícias internacionais. Suas obras podem ser encontradas em https://uiclap.bio/GabrieldCamargo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Renato Moicano
Ética

Renato Moicano: “Se você se preocupa com seu… país, leia Ludwig von Mises”

Na noite do último sábado, o lutador brasileiro Renato Moicano viralizou após sua vitória sobre JalinTurner no UFC 300, fazendo uma saudação ao próprio Ludwig von Mises. “Eu amo os Estados Unidos, amo a Constituição… quero portar… armas. Amo a propriedade privada. Vamos lhe dizer uma coisa. Se você se preocupa com seu país, leia […]

Leia Mais
Elon Musk e Alexandre de Moraes
Ética

Elon Musk ataca censura de Alexandre de Moraes e deixa esquerda em polvorosa

Na última sexta-feira, o CEO da rede social X, Elon Musk, respondeu a uma publicação de Alexandre de Moraes questionando o porque dele estar impondo tanta censura no Brasil. Na publicação em questão, Moraes parabenizava o ex-ministro do STF, Ricardo Lewandowski pelo novo cargo de Ministro da Justiça e Segurança Pública. Confira abaixo: Elon Musk […]

Leia Mais
Roseane Murray
Ética

O ataque de pitbulls contra a escritora e poetisa Roseane Murray

Na manhã de ontem (5), a escritora e poetisa Roseana Murray, de 73 anos, havia sofrido um violento ataque de 3 pitbulls enquanto caminhava em Saquarema, na Região dos Lagos, no Rio de Janeiro. O incidente reacende a discussão sobre possuir ou não cachorros da raça pitbull. O inicidente A escritora e poetisa Roseane Murray […]

Leia Mais