segunda-feira, outubro 3, 2022

Rússia impõe novas condições à Ucrânia para o fim da guerra

Durante uma nova rodada de negociação com a embaixada da Ucrânia, a Rússia impôs ao país novas condições para por fim à guerra. A reunião que durou quase 12 horas foi sediada em Belarus.

Entre as exigências, está a implementação por parte da Ucrânia de uma nova constituição para resguardar neutralidade em relação à adesão em blocos.

Outra das exigências, é o reconhecimento da Crimeia em cima de vc não ter que fazer uma como território russo e das repúblicas separatistas de Donetsk e Lugansk como territórios independentes. No entanto, a reunião terminou com nenhuma das exigências sendo atendidas.

De acordo com o negociador ucraniano e conselheiro da Presidência da Ucrânia, Mykhailo Podolyak, houve “pequenos avanços” na logística de corredores humanitários. “As consultas continuarão, por hoje não temos resultados fortes”.

Já o negociador russo, o membro da Duma, Leonid Slutsky, lamentou o resultado da reunião e disse que esperava levar um “resultado mais concreto à Moscou”.

As negociações terão continuidade, e esperamos que na próxima vez ou na seguinte, cheguemos a algum resultado. Será um trabalho difícil, mas constante

disse ele em pronunciamento.

De acordo com o ministro das Relações Exteriores turco, Mevlut Cavusoglu, a próxima rodada de negociações está agendada para quinta-feira (10), onde os chanceleres da Ucrânia e Rússia se reunirão na Turquia.

APOIE GAZETA LIBERTÁRIA

Contamos com a generosidade de nossos doadores para tornar tudo isso possível. Desejamos publicar nosso conteúdo diariamente para todos, semeando o libertarianismo. Apoie nosso grupo de escritores. 

CONTRIBUIR

spot_img

CONFIRA