Banco Central da China pede dura repressão contra as criptomoedas

Banco Central da China pede dura repressão contra as criptomoedas

O governo da China, por meio do seu Banco Central, emitiu um aviso que indica a permanência da proibição de todas às criptomoedas e sua alta repressão em território chinês com o banimento das negociações de criptomoedas em corretoras ou em P2P (rede descentralizada, que sua sigla quer dizer: peer-to-peer/ponto a ponto).

Essa forte repressão vem desde o ano passado, 2021, em que o Banco Central da China havia convocado algumas instituições de pagamento e bancos, com o intuito de pedir que reprimissem de forma mais dura o comércio de criptomoeda.

Porém, dessa vez, os estadistas da ditadura chinesa se reuniram, na última terça-feira (01/03), para fazer uma discussão sobre o que pode vir a ser feito de melhor para o futuro e diversos pontos de sua economia. Com isso, observaram que é necessário abrir o mercado financeiro da China e a reforma da mesma. Ficou entendido entre os membros que era extremamente necessário melhorar seu sistema jurídico de títulos e também fazer a otimização de seu ambiente institucional.

Além disso, que se deve realizar a eliminação de uma grande inadimplência que ocorre no mercado financeiro chinês. Como por exemplo, no caso da Evergrande, que possui um passivo de US$ 300 bilhões de dólares, e que a S&P (Standard & Poor’s), agência de classificação de risco, a classificou como inadimplente.

Todavia, para que isso seja realizado, segundo avisou o Banco Central, é necessário a continuidade da forte repressão contra às negociações de criptomoedas. Além disso, a China prossegue com a imposição de auto-inspeção de plataformas de internet que estão operando na China.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pavel Durov
Criptomoedas

O CEO do Telegram, Pavel Durov, diz que mantém algumas centenas de milhões de dólares em bitcoin há 10 anos

Durante uma entrevista com Tucker Carlson, que foi ao ar na terça-feira, o cofundador e CEO do Telegram, Pavel Durov, disse que manteve algumas centenas de milhões de dólares em moeda fiduciária ou bitcoin nos últimos 10 anos. Em resposta a uma pergunta sobre o fato de a plataforma de mensagens criptografadas não aceitar dinheiro […]

Leia Mais
Lula imposto sobre o Bitcoin
Criptomoedas

Governo Lula quer aumentar para 22,5% os impostos para todos os usuários de Bitcoin no Brasil

O governo Lula anunciou que pretende aumentar os impostos para todos os usuários de criptomoedas em até 22,5%. Segundo o governo, a proposta não é criar um novo imposto, mas aumentar ainda mais as taxas para os usuários que possuem criptoativos. A ideia é ‘fechar o cerco’ com àqueles que estão usando criptoativos para driblar […]

Leia Mais
Halving do Bitcoin
Criptomoedas

O halving do Bitcoin está cada vez mais próximo, com menos de 2.900 blocos restantes

No momento, restam menos de 2.900 blocos até o próximo halving do Bitcoin. Para compreender o conceito de halving, é bom entender primeiro como surgem os novos bitcoins, principalmente por meio do processo de mineração de bitcoins. Isso envolve entidades, conhecidas como mineradores, que validam blocos repletos de transações que aguardam confirmação. Em sua busca […]

Leia Mais