O Ministro da Defesa, Fernando Azevedo e Silva, confirmou nesta Terça-Feira, dia 7 de Maio, o bloqueio de R$: 5,8 bilhões no orçamento das Forças Armadas anunciado anteriormente por Jair Bolsonaro (PSL).

“Tal bloqueio, no momento, não impõe necessidade de mudanças na operacionalidade do Ministério da Defesa”, afirmou a pasta, que diz trabalhar com a expectativa de “recuperação da economia e reequilíbrio do orçamento brevemente”.

O valor do corte correspondente a 44% do orçamento total destinado a Marinha, Exército e Força Aérea.

Fonte: R7