O Telegram planeja lançar sua Telegram Open Network (TON) no terceiro trimestre, de acordo com uma nota interna enviada aos investidores da empresa.

Apesar das dúvidas iniciais sobre se o Telegram poderia executar o projeto de criptomoeda, a empresa de mensagens relatou um processo de teste que confirmou que seu algoritmo de blockchain e consenso atendia ao objetivo de seu whitepaper TON original.

A empresa disse que o período de testes “reafirma nossa crença de que a máquina virtual TON e o algoritmo de consenso bizantino são capazes de atingir as metas estabelecidas no documento original”, de acordo com uma fonte.

WhatsApp, o principal concorrente do Telegram já possui um bot que pode ser utilizado para transferir criptomoedas entre os usuários. Confira a matéria completa clicando aqui.

O projeto blockchain da Telegram é projetado para hospedar aplicativos descentralizados, semelhantes ao Ethereum.

Em Fevereiro, a empresa informou em nota para os investidores que a TON estava 90% concluída. A empresa também disse listar os tokens nativos da TON, o GRAM, em exchanges asiáticas como Binance, Huobi e OKEx.

Sua ICO de US$ 1,7 bilhão é uma das maiores até hoje, atraindo investidores como a Benchmark, a Sequoia Capital e a Kleiner Perkins Caufield & Byers.

Fonte: The Block Crypto